mInis & tRemoços!

Receber actualizações no mail

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Dezembro 17 2009

Estamos em época natalícia. As vendas da mini e do tremoço caem em queda. Mas isso agora não é o maior drama. Desde que o Benfica ganhe estamos sempre bem e ninguém se lembra de crises e sismos ou coisas parecidas.

Vejo uma rua de poucos metros com nove mendigos a gritar por dinheiro para comida ou sabe-se lá o quê. Pessoas passam indiferentes, entram e saem das lojas carregadas de sacos, apregoa-se a lotaria do Natal e até se vendem as (caras) castanhas.

O normal nesta altura do ano.

Algo me chama a atenção! Há quase dois anos que todos os dias passo neste local e de vez a quando vejo esta figura carismática que vive alegre dentro das suas condicionantes e indiferente a esta panóplia de acontecimentos fúteis!

 

Falo do Pombo Pulha como o baptizámos, o pombo dos coutos, ou mesmo o pombo sem patas.

É verdade! Num largo onde existem centenas de pombos correio, indiferentes e todos muito semelhantes, há um que se destaca pelas sua pose robusta e brilhante mas... que não tem pernas!

 

Ele voa, ele come, ele no verão chapinha no chafariz, ele "rouba" palhas ao presépio municipal, ele caga nas nossas cabeças, ele gala e faz peito às pombas, faz tudo como qualquer outro pombo, a única diferença é que teve de se adaptar á sua constituição física inacabada ou mutilada em tempos por algum humano mais espertinho, quem sabe!

 

Nas outras alturas do ano nem reparava muito neste pombo, embora saiba que ele ali está, mas há dias ao observá-lo pus-me a pensar: Este pombo é o retrato dos Portugueses nesta época do Natal.

 

Apesar das suas limitações vive como se fosse rei e senhor e faz tudo o que os que não têm limitações fazem.

É claro que aqui não falo de limitações físicas. A analogia que quero passar é que o povo português fala de crise e que isto está mau mas nesta altura esquece tudo isso e que é consumismo e prendinhas...

 

É curioso ir ao domingo a uma grande superfície comercial e não ter lugar para estacionar e estarem dois funcionários em cada caixa por exemplo...

Depois vêm falar em crise... Crise qual crise!!?? Se realmente se soubesse gerir o 13º mês não se viam situações destas. O pessoal controlava-se e não dava uso aos plásticos milagrosos que o deixam endividado o resto do ano...

 

Mas pronto é Natal... e que culpa tem o pombo sem patas afinal? É assim a vida dele, é assim a mentalidade do português!!

 

venham beber minis mas é! ;)

publicado por davidbranco às 15:00

Abril 23 2009

Psst Malta eu não fugi, não fali, não hibernei e não me esqueci aqui da tasca nem de vocês.

Longe disso.

A justificação para esta ausência mais prolongada prende-se com o facto de estar a terminar o curso e ter montes de trabalhos para fazer e ainda frequências com montes de matéria... A média vai em 200 power points por matéria, sendo que cada cadeira tem várias matérias.

 

Muitas coisa têm acontecido ultimamente neste calhau à beira mar plantado a que alguém um dia teve a coragem de chamar Portugal e que precisam de ser aqui esclarecidas com urgência ou não vá ser eu processado pelo Sócrates também.

 

A tasca tá de boa saúde e no passado sábado fui a uma festa patrocinada e privada também mas onde se reflectiu bastante o estdo deste país e se beberam 500 minis e mais uns quantos litros de sangria e muito quilo de tremoço foi retraçado...

 

Quando me voltar o tempo vou aplicar as novas ideias trazidas desse brainstorming com alguns dos mais ilustres bebedores de minis e roedores de tremoço da região de Santarém...

O jantar/encontro teve o Castelo de Almourol como pano de fundo e nem a chuva nos parou.

 

Não tenho fotos é pena pois mandei com a máquina para o lixo pois desta vez levei uma descartável mas como não conseguia ver as fotos pensei estar estragada e zumbas lixo com ela!

Bem por agora estou de passagem pois tenho a tasca para arrumar e estou à rasca para ir falar com o Sócrates ou seja... Defectar para não dizer mesmo coiso...

 

Para reflectir deixo-vos com uma pequena reflexão que fiz ontem quando me perguntaram num fórum generalista o que eu achava do Governo Actual:

 

As opções eram Péssimo, Medíocre, Bom, Excelente e Nem sei

 

Eu estreei o não sei pois sinceramente isto é tudo uma grande (desculpem a palavra) palhaçada.
Qualquer partido que esteja no poder quer é engordar, acontece com Sócrates como acontecia com qualquer outro. O Português é assim e isso não muda infelizmente.
Todos dizem mal, depois vão para lá e fazem o mesmo ou pior... 
Isto tá mal governado mas é porque vive-se de aparências e queremos sempre ser e ter mais do que podemos... TGV, Centros Comerciais, Aeroportos, Estádios, grandes carros, etc...
Se realmente fosse colmatado o que faz falta em vez de se gastarem milhões nestas coisas isto poderia ir bem melhor.
Vamos a países como a Alemanha, por exemplo, e a maioria dos carros que vemos é a chamada gama citadina (+-) tipo corsa, punto, clio, fiesta, golf, polo, etc... Em França igual, em Espanha igual. Cá no país à beira mar no dia-a-dia vejo mais carros de alta cilindrada do que os ditos citadinos... Vejo audi, Mercedes, volvo, porche e por aí a fora...
Depois vêm falar na crise... Oh meus amigos a crise não é só culpa do governo, é muito por culpa nossa e dos nossos gestores que há 10 anos constuiam por 10 vendiam por 50 e agora a concorrência e os estilos de vida são diferentes e produzem por 10 mas só conseguem vender por 12, e ganham menos, logo dispara logo uma alma geniosa a dizer que estamos em crise...
Ora e a quem vamos culpar? Ao Governo claro. 
Sei que certa parte da culpa ele tem realmente, mas não toda ou a maior parte.
Enquanto o povo português tiver a mentalidade que tem de querer sempre ser mais e enganar o outro não vamos longe...

Quem conseguir fazer frente a este governo que vá para lá... Não vejo ninguém sinceramente pois acredito que qualquer que seja(m) a(s) pessoa(s) a ir para lá vão tentar por o seu ao bolso, favorecer os amigos, ganhar muito protagonismo e dinheiro e não vão por as coisas que realmente fazem falta em 1º lugar.

Acredito que não será fácil para ninguém governar um país, mas há que ter gosto, amor pelo país e pelas pessoas e ver sempre o que é melhor para TODAS e principalmente para as que mais precisam e agir de encontro a isso e nunca em proveito próprio ou de massas.

A ver vamos, eu por este andar ou não vou votar ou vai em branco, talvez com o link de um blog qualquer lol

Se os deputaos, ministros, acessores, governantes, etc. ganhassem o ordenado mínimo e só pudesssem ser aumentados se todos os que o ganhassem também fossem isto já era bem diferente. Também há outras "profissões" que deveriam ser radicalmente repensadas como é o caso dos futebolistas.
Dizem que sou maluco quando digo que o futebol profissional deveria de acabar... Mas era bem acabado e pagos os milhões que eles recebem a profissionais dignos como é o caso dos bombeiros, polícias, os que limpam as ruas, enfermeiros e médicos (embora estes já recebam que chegue), e a todas as profissões indispensáveis.

E depois vemos que onde os ordenados são mais altos é onde há mais corrupção: política e futebol...
Algo estará mal ou não?

publicado por davidbranco às 15:48

Março 26 2009

Deparo-me hoje sem situações caricatas neste pedaço de terra à beira mal plantado...

Nada atormenta os clientes da tasca e o tugazinho. As conversas resumem-se à menina do euromilhões, ao resultado do preço certo em euros, e pouco mais.

Os mais inquiétos ainda falam da Taça CarlsBerg e da azia com que ficaram mas já pouco se toca no assunto.

O calor aperta, as vistas melhoram e a cerveja e os tremoços saem que é um disparate :) Nice!

 

Ao desfolhar os jornais deparo-me com a notícia do lançamento da revista Playboy portuguesa e das ofertas milionárias feitas às nossas meninas da TV e afins. Tou curioso de ver o lado "desconhecido" das nossas super stars, já estamos inclusivé, a pensar num passatempo aqui para a tasca relacionado com isto.

 

Segundo a sondagem Luís dos Tremoços aos frequentadores assíduos da tasca no almoço de tremoço deste nosso fornecedor (ver foto), o que mais os atormenta e apequenta nestes dias é o facto da falta de segurança que se vive um pouco por todo o pais. Em Oeiras matam à queima roupa à saida dos CTT, na Trofa mandam para o rio num ajuste de contas, e por aí a fora nem se sabe o que pode bem vir a acontecer...

A outra grande preocupação e que mereceu o segundo lugar é o facto de o Sócrates e os seus pupilos estarem muitos calmos esta semana... Ou já a fizeram ou estão para a fazer só pode...

Em terceiro lugar com apenas dois pontos de diferença do segundo ficou a preocupação com jovens que trabalham em lares de idosos privados e têm de tratar da higiene das senhoras e se aproveitam destas... Se alguma engravida e quiser abortar entramos na mesma polémica que o Brasil sofreu no mês passado...

 

Para amanhã temos uns petiscos especiais por ser sexta-feira, visitem aqui o blog para saberem em primeira mão... Por agora é só!! Vou montar a esplanada.

publicado por davidbranco às 14:51

Março 03 2009

(off-topic)

Vai uma pessoa almoçar na pequena uma hora que tem e tem de ir ao banco...

Ora lá se vai todo o tempo e lá vamos nós ter de almoçar a correr.

Hoje parecia diferente, tinha de ir ao banco e aos correios. Optei por esta ordem por questões logísticas e fiquei contente ao entrar na CGD e ver que so tinha 4 números da senha A á minha frente. Pensei hoje 5 minutinhos e tou safo.


Mentira, deram em atender pessoas das senhas C, D e G e as da A pouco andaram pois só estavam 2 funcionários ao balcão.

A malta reclamou e a justificação é que é hora de almoço. Mas estão pelo menos 20 funcionários (contei eu) nas secretárias atrás do balcão a fazer sabe-se lá o quê... Podiam muito bem dar uma mãozinha nestas horas de almoço aflitas e movimentadas...


Conclusão... Esquece os correios senão ai nem almoçava pois o atendimento é semelhante e almoço a correr em 15 minutos... Se tivesse espinhas e me engasgasse queria ver quem me idmenizava...


Mas pronto é o pais que temos... Pena é não dar para depositar cheques pela net e as máquinas de depósito não aceitarem o meu cartão senão eu nunca ia a um balcão de um banco... Nuncaaaaa


Vou fazer à antiga! Esconder tudo debaixo do colchão ou na copa de uma árvore disfarçado de pássaro, em último caso compro um Magalhães para guardar la dentro, mas passar tempo e secas em filas de bancos... Não Obrigado!

Ainda por cima nestes capitalistas com uma mega sede (ver imagem) e nós a pagármos... 


Vai mas é uma mIni e um pires dos amarelinhos para descontrair!

Até mais logo, oh pá!

publicado por davidbranco às 15:06

Fevereiro 26 2009

Sala cheia, clientela habitual e alguma menos conhecida que veio por curiosidade ou por não haver mais nenhum estabelecimento aberto por perto.

A arca quase não dá vasão às minis que vão sendo consumidas por loucos e menos loucos por este nectar divino, o melhor a seguir à água confesso.

 

Na TV espreita-se um pouco o Sporting com o Munique e são feitas muitas queixas, críticas e sugestões. A que mais suou foi que este jogo é uma caso para ser resolvido pela CIA pois está-se a repetir o Ataque terrorista de Munique, desta vez em pleno Campo Grande.

 

Miséria!? Eu diria mais vingança. O amigo Veiga deve de estar contentíssimo aposto.

Após 5 bombas e para o espanto de todos a sala fica menos verde e o assunto morre ali (queria ver se fosse com o Benfica, ficavam os lagartos todos para gozar). Como o fim-de-semana não agradou também aos Troianos (leia-se Benfiquistas) a conversa de futebol parou por ali e iniciou-se a revista semanal, quase no final desta semana é certo, mas com os feriados (ou coisas parecidas) e com as pontes não houve ocasião anterior que proporcionasse tal diálogo.

 

Tema de conversa habitual, o Sócrates isto, o PGR aquilo, o Freeport, a Crise, os voos da CIA e mais uma vez o Sócrates ao barulho, o cão de água Português e o Obama, ate´no Bin Laden se falou não sei bem a propósito do quê.

As atenções focam-se então no novo episódio do grande Bruno Aleixo. Este continua hospitalizado e teve nova visita que lhe ofereceu frango, a discussão rola em torno disso e entretanto deu-me aquela vontade imensa de defectar ou chamem-lhe lá o que quiserem...

 

Voltando e chega o fornecedor de tremoços que me ocupou bastante tempo a discutir as taxas, impostos, iva e afins.

Entretanto ia buscando folhas de rascunho para lhe fazer uma explicação e achei uma maravilhosa história que criei e ilustrei no meu 7º ano de escolaridade na disciplina de EVT. 

Foi a minha primeira grande obra. Promento publicar isso aqui, vou tentar scanar as ilustrações (muito primitivas) primeiro.

 

Agora tenho de ir limpar a tasca e ver se contrato uma senhora (bonita) do leste ou do ártico para por aqui às noites a trabalhar a ver se aumenta o sinal do wireless e se me dá uns trocos para comprar um disco novo para o portátil já que o meu berrou mesmo e nem sequer conseguimos recuperar os (muitos) documentos que lá tinha e são importantes...

 

Enfim... é uma má notícia, mas a de o Sporting ter perdido compensa :) Agora ver é se o levezinho não espeta 6 na Alemanhã como já se ouve ai prometer... 

Até mai logo ou até manhã que é sexta e há petisco!

publicado por davidbranco às 14:22

Fevereiro 25 2009

Após merecida e esperada ausência a Tasca voltou a abriri e já se ouviam ontem dragões tremer frente ao Atlético.

Balanço de férias pseudo-negativo pois constipei-me e fiquei cheio de dores de garganta... Nada que não passe com umas fresquinhas!

Os tremoços continuam dos melhor da região e arredores, com aquela pitada de sla mágica que só aqui se sabe como fazer.

 

As conversas rodam sobre o carnaval e o magalhães, passando um pouco pela pouca paciência e imaginação das gentes actuais para o desfile carnavalesco.

Ontem lá passou um Peter Pan, um fantasma e uma grupo de quatro palhaços que lá vão tentando manter o espírito.

Se não fosse isso e o programa do João Baião a dar no plasma da frente nem me lembrava que era carnaval. Ah quer dizer pelo fluxo de trânsito também se podia suspeitar de algo...

 

Fiquem atentos pois em breve saem os mais frescos assuntos aqui da tasca do mInis & tRemoços. Agora está na hora do belo pão de centeio e da fatia de toucinho...

publicado por davidbranco às 11:43

Fevereiro 20 2009

Uma anedota que pode bem simbolizar as acções do nosso governo:

 

 Um dia o Sócrates contratou um trabalhador e colocou-o a abrir

  rasgos na terra. Deu-lhe um horário de trabalho das 8:00 às 17:00
  horas.

  Certo dia Sócrates observando o trabalho do seu
  colaborador, achou que podia ser melhor aproveitado.
  Sugeriu-lhe então o seguinte:

  - Ó amigo, já que você tem 2 mãos, com uma mão você cava e com a
  outra vai regando. Olhe e já agora começa a vir das 7:00 às 18:00   horas.

  No outro dia, Sócrates olhou outra vez para o seu colaborador e
  achou-o ainda pouco produtivo. Então sugeriu-lhe:

  - Já que você além das mãos tem também uma boca, podia enchê-la de
  sementes e enquanto com uma
  mão cava e com a outra rega podia  cuspir as sementes. Já agora
  começa a trabalhar ás 6.00 e termina às 19:00 horas.

  Noutro dia Sócrates começou a pensar que o seu colaborador deveria
  trabalhar enquanto houvesse luz de dia. Portanto sugeriu-lhe que o
  seu trabalho passasse a ser das 5:00 até às 22:00 horas. E assim foi.

  Um dia quando o pobre trabalhador voltava a casa do
  trabalho, deparou com a sua mulher com outro homem na cama.O homem,
  chorou, chorou, chorou vezes sem conta até que a mulher e o amante
  desesperados com
  aquela situação, tentaram consola-lo, perguntando-lhe porque chorava
  ele assim tanto. Ao que ele respondeu:

  - Se o Sócrates descobre agora que eu tenho 2 cornos, coloca-me lá
  umas lanternas e põe-me a trabalhar a noite toda.!!!

publicado por davidbranco às 14:38

Fevereiro 18 2009

Ontem recebi um estudo de Olivier Clerc que é escritor e folósofo que através de uma metáfora conta uma experiência com uma rã mas que muito bem pode ser o que se passa com todos nós.

Passo a explicar:

 

Imagine um apanela cheia de água fria e uma rã a nadar lá dentro,

De seguida é aceso lume por baixo da panela mas a rã nem sente ao início e continua a nadar,

A água vai aquecendo muito lentamente e a rã até se sente cada vez melhor e nada, nada...

A água fica quente mas a rã até gosta

Agora a água está mais quente do que a rã gostaria, sente-se cansada mas isso não a incomoda em nada.

Agora a água está realmente quente, quase a ferver e a rã acha muito desagradável mas já está debilitada, aguenta e não faz nada

A água ferve e a temperatura sobe e a rã acaba simplesmente morta e cozida!


Se a rã tivesse sido lançada directamente para uma panela de água a 50 graus, com um golpe de pernas teria saltado imediatamente da panela e não morria cozida.

 

Com isto Olivier concluí e muito bem que isto mostra que quando uma mudança acontece de um modo suficietemente lento, escapa à consciência e não desperta, na maior parte dos casos, nenhuma reacção, nem um pouco de oposição ou alguma revolta.

 

Também na nossa sociedade ao longo dos anos temos vindo a sofrer uma mudança lenta à qual nos vamos acostumando e acomodando. Algo que chocava bastante há 30 ou 40 anos agora é completamente banal e indiferente. Pelo progresso fazem-se ataques contínuos à liberdade individual, à dignidade, à natureza, à beleza e à alegria de viver.

para o futuro em vez de se tomarem medidas apenas se sensibiliza as pessoas para se prepararem para algumas condições de vida decadentes e draméticas...

 

Sentimos fortes pressões, nomeadamente dos média, que nos saturam o cérebro ficando este sem saber distinguir as coisas...

 

 

Estaremos nós HOJE conscientes ou cozinhados? Precisamos de escolher!

 

Se ainda não estivermos cozidos como a rã vamos é dar o tal salto antes que seja tarde demais!

publicado por davidbranco às 10:31

Fevereiro 17 2009

Como sabem há dias a Austrália foi assolada por incêndios.

Deixo esta imagem que vale mais de mil palavras. O Homem estraga bastante a natureza mas em casos extremos também faz muito para a salvar!

Ver se amanhã também acho uma fotografia de um bombeiro Português a dar água a uma Vaca no Alentejo já que aquilo hoje até tremeu... 

publicado por davidbranco às 17:25

Fevereiro 12 2009

 Ontem a selecção portuguesa de futebol viu-se em apuros para vencer a Finlândia, coisa que não acontecia já há uns bons anos.

Depois hoje lê-se nos jornais um artigo sobre Madaíl a defender o senhor Carlos Queiroz e a dizer que ha e tal o Scolari já deu o que tinha a dar à Selacção...

 

A meu ver os objectivos de Queiroz não se enquadram no que a selecção já nos habituou e muito sinceramente assim nem ao mundial vamos...

 

Na conversa matinal com alguns amigos da mine conclui o seguinte:

O Carlos Queiroz podia ir treinar oa FCP, o Jesualdo vinha para a Selecção Portuguesa, o Flores ia para o Chelsea e o Scolari vinhas mas é para o Benfica para ver se dá a volta à crise :)

 

 

 

Caso o Jesualdo não queira ir para a selecção

 pode bem ir treinar a selecção feminina de polo aquático da República Democrata do Congo e assim punham o Peseiro ou mesmo o Artur Jorge na Selecção e afundavamo-nos de vez.

Mas não, nós gostamos é de sofrer e reclamar no final.

 

Ah já agora o senhor madaíl podia ir com o professor jesualdo ou então candidatar-se a presidente do Carcavelinhos e o Socrates podia assumir a liga Portuguesa de Futebol, assim deixava o seu poleiro de primeiro ministro para algum (se houver) competente para tal e podia corromper a fedração na boa, seguindo assim, os passos de Madíl.

 

Ao começar assim a manhã só dou razão ao Boby, ao Tareco e ao Pinto da Costa, este ssim são os verdadeiros corruptos mas são sempe os que lucram com o mal dos outros... Isso é bonito oh pá!

 

Volta Scolari estás perdoado....

 

Bem reparo que ficaram curiosos quanto à equipa da selecção feminina de polo aquático do Congo, então, sendo assim, aqui fica a fotografia:

Os adeptos à esquerda e a equipa à direita. (prometo em breve um artigo acerca desta equipa)

 

publicado por davidbranco às 09:41

Receber actualizações no mail

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

dia-a-dia numa tasca virtual que é a imagem do local tipicamente Português: A Tasca (em representação de todas as tascas) onde se come o belo do tremoço a acompanhar a Mine... Assim se vai criticando e olhando a sociedade...
mais sobre mim
Maio 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


pesquisar